Este site usa cookies e tecnologias afins que nos ajudam a oferecer uma melhor experiência. Ao clicar no botão "Aceitar" ou continuar sua navegação você concorda com o uso de cookies.

Aceitar

Dengue em Belo Horizonte

29/10/2023
Dengue em Belo Horizonte
Junte-se a mais de 2.800 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Desafio:

A capital mineira registrou crescimento exponencial no número de casos de dengue em 2023. Em apenas um ano, os números tiveram um aumento de 752,13% segundo a Secretaria Municipal de Saúde.
Nosso desafio era realizar o mapeamento de focos de reprodução do mosquito Aedes aegypti com o objetivo claro de alcançar a redução dos números que vinham sendo registrados.

Solução:

Através do uso de drones embarcados por tecnologia própria, mapeamos uma área de 6.224 hectáres e por meio da análise dos dados coletados por aerolevantamento, identificamos mais de 21.000 pontos de oportunidade e interesse (POI’s).
Com a aplicação da nossa metodologia e uso de tecnologia de ponta, garantimos uma georreferenciação exata e com isso, entregamos ao município relatórios com informações precisas que serviram de ponto de partida para a elaboração de um plano de ação eficaz voltado para o tratamento e eliminação dos focos por meio de atividades conjuntas da Aero Engenharia e agentes comunitários de endemias (ACE).

Resultados gerado da dengue em Belo Horizonte:

Com este conjunto de medidas, obtivemos uma redução média de 73% no número de (POI’s). Algumas áreas chegaram a apresentar diminuição de quase 89% desses focos.
Dados como estes mostram que o uso da Geointeligência é altamente eficaz para a saúde pública no âmbito de combate às arboviroses, tornando possível não só o tratamento com larvicidas, como também a eliminação de POI’s, reforçando o poder que a informação de qualidade tem quando entregue nas mãos de gestores públicos responsáveis por tomadas de decisões estratégicas contra a dengue em Belo Horizonte.